Publicado em 28/01/2023

O prefeito José de Filippi Júnior decretou luto oficial de 5 dias na cidade, que começa a valer a partir desta segunda-feira (30)

O secretário de Transportes e Mobilidade Urbana de Diadema, Osvaldo Misso, faleceu na noite deste sábado (28), aos 70 anos, por complicações de um câncer na região da laringe. O prefeito José de Filippi Júnior decretou luto oficial de 5 dias na cidade, que começa a valer a partir desta segunda-feira (30).

Osvaldo Misso era engenheiro de formação e, na Prefeitura de Diadema, passou por diversos setores. Iniciou sua trajetória no município no fim dos anos 1980, para integrar o Departamento de Obras. Foi secretário de Obras, de Governo, chefe de Gabinete e secretário de Saúde da cidade em diversas administrações.

Também exerceu cargos de secretário na Prefeitura de São Paulo e na Prefeitura de Mauá.

Osvaldo Misso deixa a esposa, Márcia, os filhos, Márcio e Lilian, o enteado Henrique e as netas, Alice e Isabela.

“Osvaldo deixa um legado inestimável para Diadema. Um homem público íntegro, que não mediu esforços para construir essa cidade. Eu sempre admirei o Osvaldo como um amigo, um companheiro e uma pessoa apaixonada por Diadema”, disse o prefeito José de Filippi Júnior.