Prefeitura de Diadema

17 de outubro de 2022

De 17 a 21 de outubro, 20 alunos do curso de Graduação em Administração de Empresas, Direito e Administração Pública da Fundação Getúlio Vargas (FGV) participam de uma semana de imersão nos serviços de saúde da rede municipal de Diadema. Entre os objetivos da disciplina “Introdução à gestão do Sistema de Saúde” estão conhecer os sistemas de saúde, identificar ações e aprimorar as políticas públicas

 

Administração recebe, pela terceira vez, universitários da Fundação Getúlio Vargas para imersão nos serviços municipais

 

De 17 a 21 de outubro, 20 alunos do curso de Graduação em Administração de Empresas, Direito e Administração Pública da Fundação Getúlio Vargas (FGV) participam de uma semana de imersão nos serviços de saúde da rede municipal de Diadema. Entre os objetivos da disciplina “Introdução à gestão do Sistema de Saúde” estão conhecer os instrumentos de gestão dos sistemas de saúde em âmbito municipal, identificar ações necessárias e aprimorar as políticas públicas voltadas ao sistema de saúde.

Nesta segunda-feira (17/10), os estudantes visitaram a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e a Unidade Básica de Saúde (UBS) Vila Paulina, na região Sul. A assessora do gabinete Isabel Fuentes apresentou os serviços da rede municipal e o funcionamento do SUS na cidade. “Mesmo que vocês não vão trabalhar com a área da saúde, é importante conhecer os serviços e fazer a reflexão do que eles representam para a população. Pra gente é muito bom contar com essa parceria”, ressaltou.

“O SUS é um dos sistemas de saúde mais descentralizado do mundo e os municípios têm uma alta capacidade de construir as suas políticas municipais, a partir dos anos 90. Diadema é uma cidade que tem história e tradição muito importante no SUS. A ideia é desenvolver um projeto para enfrentar um dos desafios que os alunos vão ver na gestão municipal ao longo dessa semana”, explicou o professor da Escola de Administração de Empresas da FGV, Adriano Massuda.

Para a aluna do segundo semestre de Administração Pública, Mariana Vidal de Luna Dias, as informações teóricas vão subsidiar o trabalho de campo. “Focamos bastante nessa parte de gestão, agora acho interessante a gente conhecer no dia-a-dia. Vamos identificar na prática essas questões de gestão, como são organizadas ali dentro das unidades, que são serviços capilarizados que têm um alcance muito bom da população, por bairro”, afirmou.

Até sexta-feira, os universitários conhecerão serviços da Atenção Básica, Especializada, 24 horas, além de receber informações sobre participação popular no SUS. Ao final da semana, a equipe apresentará sugestões de propostas para os desafios observados. A pandemia teve peso na escolha da área da saúde pelos estudantes. 

“Esse processo tem sido muito interessante. É um desafio novo, a maioria dos alunos não conhece o setor de saúde, então isso faz com que eles tenham curiosidade e isso é sempre bom. De terem uma visão muito diferente do que eles tinham do SUS, principalmente da prática de saúde. Esse olhar diferente é algo bem legal de ver ao longo da semana de imersão em Diadema”, enfatiza a coordenadora do Quarteirão da Saúde, Maria Cláudia Vilela.

 

Parceria

Esta é a terceira semana de imersão de alunos da Faculdade Getúlio Vargas em Diadema, fruto da parceria entre a faculdade e Secretaria Municipal da Saúde (SMS). A primeira ocorreu em outubro de 2021 e a segunda em abril de 2022. Além disso, em agosto deste ano, os equipamentos do Sistema de Saúde da rede municipal de Diadema passaram a ser campo de estágio para a disciplina regular de Projeto Aplicado do curso de graduação de Administração Pública da FGV. 

 

Por Renata Nascimento

Fotos: Mauro Pedroso

 

Ir para o conteúdo