Recomendação do uso da máscara em transporte público, escolas e locais de grande fluxo de pessoas e incentivo para completar o esquema vacinal são alguma das medidas adotadas pela Prefeitura

A partir da próxima quinta-feira (24/11), o Hospital Municipal de Diadema (HMD) suspende temporariamente as visitas a pacientes internados, bem como acompanhantes, salvo casos previstos em lei como idosos, crianças, pessoas com deficiência e gestantes no momento do parto. Também estão suspensas as visitas religiosas. A medida vale também para Pronto Socorro Central (PSC) e Unidades de Pronto Atendimento (PA) Eldorado e Paineiras como forma de diminuir o fluxo de pessoas e, consequentemente, conter o avanço da covid-19 no município.
A assessora da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Isabel Fuentes, explica como vai funcionar. “Nesse momento de aumento de casos da doença, na cidade e região, os serviços de urgência e emergência que atendem casos sintomáticos respiratórios precisam reduzir o fluxo de pessoas nesses locais e, com isso, diminuir o risco de contaminação. Esses serviços terão até quinta-feira, quando passa a valer a medida, para informar pacientes e familiares e esclarecer as dúvidas em relação ao fluxo a ser seguido”, afirmou. A decisão foi pactuada no Grupo de Trabalho (GT) de Saúde do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC na última sexta-feira (21/11).
No HMD, informações sobre pacientes internados em UTI serão passadas presencialmente na porta da UTI ou sala específica, de acordo com a Unidade. Já para pacientes em enfermarias ou pronto socorro, as informações serão transmitidas por telefone. A equipe médica entrará em contato com familiares para informar sobre horários e fluxos de atendimento.

Mais cuidados
Além dessa ação, o uso de máscara fica recomendado em transporte público, escolas e lugares com aglomerações e grande fluxo de pessoas, principalmente para pessoas idosas e com comorbidades. No município, a obrigatoriedade se dá em serviços de prestação de cuidados à saúde, de acordo com o Decreto Municipal nº 8.191, de 14 de setembro de 2022.
O uso de medidas não farmacológicas como higienizar constantemente as mãos, usar álcool gel, evitar aglomerações e completar o esquema vacinal também contribuem para a prevenção contra a covid-19.

Dose de proteção
Segundo dados do Vacivida atualizados até 16 de novembro, Diadema tem 395.168 residentes vacinados, ou seja, 97% da população elegível para vacinação recebeu ao menos uma dose da vacina.
Das 395.168 pessoas que receberam a primeira dose, 375.762 estão com esquema completo, e isto corresponde a uma cobertura de 92% da população-alvo.
Diadema também já realizou a aplicação de 261.126 terceiras doses (podem ser aplicadas em pessoas a partir de 12 anos, desde que a segunda dose tenha sido aplicada há pelo menos quatro meses – ou 28 dias nos casos de pessoas imunossuprimidas) e 126.018 quartas doses (pessoas com 18 anos ou mais, profissionais de saúde, gestantes e puérperas acima de 12 anos e adultos imunossuprimidos).
Em relação exclusivamente ao público infantil, o município tem 36.760 crianças de cinco a 11 anos vacinadas com ao menos a primeira dose, representando 86% dos residentes desta faixa etária, e destas, 31.088 possuem esquema completo de vacinação, o que representa uma cobertura vacinal com esquema completo de 73% deste grupo de idade. Já na população de três e quatro anos foram aplicadas 2.880 doses, atingindo 23% do público total da faixa etária; 616 crianças desta faixa etária já estão com esquema vacinal completo.A vacina contra a covid-19 está disponível em todas as 20 UBSs, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h. As Unidades Centro, Paineiras, Promissão e Serraria possuem horário estendido até às 18h. Confira os endereços em https://portal.diadema.sp.gov.br/conheca-os-locais-de-vacinacao-para-covid-19/.
A Administração ainda testa todos os sintomáticos respiratórios que procuram os serviços de saúde. Caso apresente algum sintoma, o morador deve procurar um serviço de saúde para avaliação médica, sendo a Unidade Básica de Saúde (UBS) para casos leves e Pronto Atendimentos, Pronto Socorro Central e HMD para sintomas mais graves.
Para sensibilizar a população quanto à adoção das medidas, a Secretaria de Comunicação divulgará peças no site e redes sociais oficiais da Prefeitura. Para acompanhar, acesse www.portaldiadema.sp.gov.br.

Casos
Atualmente, Diadema registra 57.908 casos confirmados de covid-19, 724 a mais em relação à semana passada.

Por Renata Nascimento
Foto: Mauro Pedroso