Prefeitura de Diadema

13 de novembro de 2008

Organizada pelo governo federal, a II Mostra de Alimentação e Nutrição do SUS ocorre nesta quinta (13) e sexta-feira (14), em Brasília. O evento marca a comemoração dos 9 anos do PNAN – Programa Nacional de Alimentação e Nutrição – e 20 anos do Sistema Único de Saúde e abre espaço para a exposição dos trabalhos de segurança alimentar desenvolvidos nos municípios.  

Diadema se inscreveu para apresentar os programas Banco de Alimentos, Restaurante Popular, Hortas Comunitárias, Cozinhas Comunitárias e a Compra Direta da Agricultura Familiar Local. O município também levou trabalhos realizados pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde. 

Um dos trabalhos a ser apresentado é o estudo desenvolvido pela equipe de Saúde da Família na UBS São José. Os profissionais, Lúcia de Fátima Ramunno, Edson Aguilar Perez, Maria Auxiliadora da Silva e Souza e Rosana Ferreira Alves Modena atenderam crianças de 1 ano e meio até cinco anos e meio de idade para avaliação nutricional, saúde bucal e situação vacinal. 

A Unidade Básica de Saúde Piraporinha também desenvolveu trabalho focado em segurança alimentar. Os 468 pacientes que passaram pela unidade durante o mês de maio de 2008 foram avaliados pelos profissionais, Maria Cristina Vieira, Edson Aguilar Perez e Maria de Lourdes Caixeta Gilioli. Foi calculado o IMC – Índice de Massa Corporal e os resultados apontaram a incidência de sobrepeso e obesidade na população em diferentes faixas etárias.

Os resultados obtidos serão utilizados como referência para os projetos dos grupos educativos e orientação aos pais sobre segurança alimentar. Além de monitoria, crianças e adultos avaliados em situação de risco nutricional serão encaminhadas para atendimento nas unidades de saúde. 

Principais fatores de riscos para doenças como diabetes mellitus e hipertensão arterial, o sobrepeso e a obesidade ocasionados por excesso alimentar, são temas de destaque durante as apresentações do PEAND – Programa de Educação Alimentar e Nutricional de Diadema. 

O grupo formado por nutricionistas e estagiárias visita unidades de saúde, escolas, centros comunitários e igrejas. Os participantes recebem orientações como, manipulação de alimentos, planejamento de compras, seleção, aproveitamento integral e o Teatro Nutrir, com fantoches que explicam de maneira lúdica para as crianças a importância da boa alimentação. 

 Beatriz Prado

Ir para o conteúdo