Publicado em 25/01/2023

De acordo com o boletim epidemiológico, o município registra 60.482 casos confirmados

A Prefeitura de Diadema divulga nesta terça-feira (24/01/2023), a 578ª edição do Boletim Epidemiológico COVID-19 sobre casos da doença na cidade, registrados até 23 de janeiro. De acordo com o documento, o município registra, no acumulado, 60.482 casos confirmados da doença desde o início da pandemia.

Houve ainda o registro de dois novos óbitos no município desde a divulgação do Boletim Epidemiológico COVID-19 de 10 de janeiro, totalizando 1.646 casos desde o início da pandemia.

Segundo dados do boletim, o município registra três pacientes internados por SRAG em leitos sob gestão do município.

Informações sobre distribuição de casos confirmados e óbitos por Unidade Básica de Saúde (UBS) de abrangência, evolução da epidemia por semanas epidemiológicas e a íntegra do Boletim Epidemiológico COVID-19 estão disponíveis em https://portal.diadema.sp.gov.br/boletins-covid-19/.

Vacinação
Segundo dados do Vacivida atualizados até 20 de janeiro, Diadema tem 398.993 residentes vacinados, ou seja, 97% da população elegível para vacinação recebeu ao menos uma dose da vacina.

Das 398.993 pessoas que receberam a primeira dose, 378.930 estão com esquema completo, e isto corresponde a uma cobertura de 93% da população-alvo.

Diadema também já realizou a aplicação de 265.259 terceiras doses (podem ser aplicadas em pessoas a partir de 12 anos, desde que a segunda dose tenha sido aplicada há pelo menos quatro meses – ou 28 dias nos casos de pessoas imunossuprimidas) e 137.303 quartas doses (pessoas com 18 anos ou mais, profissionais de saúde, gestantes e puérperas acima de 12 anos e adultos imunossuprimidos).

Em relação exclusivamente ao público infantil, o município tem 37.780 crianças de cinco a 11 anos vacinadas com ao menos a primeira dose, representando 87% dos residentes desta faixa etária, e destas, 31.930 possuem esquema completo de vacinação, o que representa uma cobertura vacinal com esquema completo de 75% deste grupo de idade. Já na população de três e quatro anos foram aplicadas 4.952 doses, atingindo 41% do público total da faixa etária; 2.384 crianças desta faixa etária já estão com esquema vacinal completo. Na faixa etária de seis meses a dois anos, 1.015 crianças receberam a primeira dose.

Por Tatiana Ferreira